top of page
  • Foto do escritorKika Mesquita

Beatles: história da banda será contada sob a perspectiva de cada integrante em quatro filmes


beatles filme cinema brasil
Foto: Reprodução / Getty Images

A Sony Pictures Entertainment anunciou detalhes de quatro projetos cine biográficos dos Beatles, contados sob a perspectiva de cada membro da banda.

 

Sob a direção de Sam Mendes (conhecido por "1917" e "Skyfall"), os longas-metragens serão narrados do ponto de vista de cada membro da banda e se interligarão para "contar a história da maior banda de todos os tempos".

 

Este projeto marca a primeira vez que a Apple Corps Ltd. e os Beatles – Paul McCartney, Ringo Starr, juntamente com as famílias de John Lennon e George Harrison – concederam direitos completos de história de vida e música para um filme roteirizado.

 

Com a Sony Pictures Entertainment financiando e distribuindo os filmes, previstos para lançamento global em 2027, "a cadência de lançamento dos filmes, cujos detalhes serão compartilhados mais próximos ao lançamento, será inovadora e revolucionária", conforme declarado pela banda.

 

Os filmes serão produzidos em colaboração com a parceira de Neal Street Productions, de Mendes, Pippa Harris, e Julie Pastor, da Neal Street. Jeff Jones será o produtor executivo pela Apple Corps Ltd.

"É uma honra contar a história da maior banda de rock de todos os tempos, e estou entusiasmado em desafiar a noção do que constitui uma ida ao cinema", compartilhou Mendes.

 

Harris acrescentou: "Pretendemos que isso seja uma experiência cinematográfica épica e emocionante: quatro filmes, contados de quatro perspectivas diferentes que narram uma única história sobre a banda mais celebrada de todos os tempos."

 

Ela continuou: "Ter a benção dos Beatles e da Apple Corps para fazer isso é um imenso privilégio. Desde nosso primeiro encontro com Tom Rothman e Elizabeth Gabler, ficou claro que eles compartilhavam nossa paixão e ambição pelo projeto, e não conseguimos pensar em um lar mais perfeito que a Sony Pictures."

 

Jeff Jones, CEO da Apple Corps Ltd., compartilhou: "A Apple Corps está encantada em colaborar com Sam, Pippa e Julie para explorar a história única de cada Beatle e reuní-las de uma maneira cativante e inovadora. O apoio entusiasmado da Sony Pictures, defendendo o escopo e a visão criativa do projeto desde o início, tem sido inestimável para todos nós."

"Sei que falo por nosso CEO, Tony Vinciquerra, que foi instrumental para que isso acontecesse, e por todos os colegas do Sony Pictures Motion ao redor do mundo quando digo: 'Yeah, yeah, yeah!'", disse Tom Rothman, presidente e CEO do Sony Pictures Motion Picture Group.

 

"Os eventos cinematográficos de hoje devem ser culturalmente sísmicos. A audaciosa e grande ideia de Sam é exatamente isso, e mais. Combinar sua equipe de cinema de primeira linha, com a música e as histórias de quatro jovens que mudaram o mundo, vai emocionar o público global. Estamos profundamente gratos a todas as partes e ansiosos para quebrar algumas regras com a visão artística única de Sam."

 

Os Beatles foram tema de uma infinidade de filmes e documentários, incluindo o filme de 1970 "Let It Be", que destacou a separação da Fab Four, e "The Beatles: Get Back" de 2021, a série que documentou a criação de seu LP "Let It Be".

 

Em uma crítica cinco estrelas de "The Beatles: Get Back", a NME compartilhou: "É precisamente por causa da política editorial relaxada de 'Get Back' que ele tem sucesso. Você pode não ser capaz de dizer nada novo sobre os Beatles em 2021, mas Jackson não tentou. Em vez disso, ele nos mostrou."

 

As músicas da banda também serviram de inspiração para filmes como "Across the Universe" de 2007 e "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band" de 1978.



Comments


bottom of page